SERGIO MORO ABANDONOU O BRASIL?

Compartilhe:

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter

Eis a minha resposta para uma pessoa que me perguntou se eu não tinha vergonha de apoiar Sergio Moro.

Uma pessoa me perguntou se eu não tinha vergonha de apoiar um candidato que abandonou o Brasil e foi trabalhar nos EUA. Percebo que essa é mais uma das inverdades que estão sendo divulgadas nas mídias sociais, em uma tentativa desesperada de cessar a possível candidatura de Moro.


Vamos então aos fatos… Sergio Moro não abandonou o Brasil. Como ele mesmo já disse no discurso de despedida do Ministério da Justiça e Segurança Pública: “Independentemente de onde eu esteja, sempre vou estar à disposição do País.” Moro, na verdade, foi contratado para trabalhar em uma grande empresa americana de consultoria, chamada Alvarez & Marsal, onde está desenvolvendo trabalhos que visam combater a corrupção nas empresas para as quais a Alvarez & Marsal presta consultoria. Diga-se de passagem, eu não conheço pessoa mais preparada para desempenhar tal função.

Então, verdade seja dita: Moro nunca abandonou o Brasil, apenas aceitou uma proposta legítima de emprego, em uma das empresas mais respeitadas dos Estados Unidos. Foi desenvolver seu trabalho honestamente, pagando seus impostos e sem levar nenhum centavo na cueca (prática recorrente adotada por políticos, assessores e empresários aliados a políticos, desde a época do governo Lula, até os dias atuais no governo do atual presidente Jair Bolsonaro).

Com relação à indagação “se eu sinto vergonha por ele ter ido trabalhar nos Estados Unidos”, minha resposta é: NÃO. O meu sentimento, na verdade, é justamente o oposto de vergonha; é um sentimento de muito orgulho por ele ter sido reconhecido pela sua capacidade, pelo seu currículo e, de maneira honrosa, ter sido convidado a compor o quadro de funcionários de uma grande empresa, em um país que realmente preza pela meritocracia.

A vergonha que senti – e sinto – são dos políticos e dos recorrentes desgovernos brasileiros, que são corruptos e roubam, além do dinheiro, a dignidade e a esperança do nosso povo.


Queria eu que todos os brasileiros que fossem trabalhar nos Estados Unidos pudessem ter as mesmas condições que Sergio Moro. Mas, lamentavelmente, não posso deixar de lembrar das várias vezes que senti realmente VERGONHA de testemunhar milhares de brasileiros sendo obrigados, por necessidades pessoais, a abandonar o Brasil com destinos variados, como EUA, Japão, Itália, Portugal, entre outros.


Acredito que se você não teve um parente nesta situação, com certeza, conheceu algum brasileiro que precisou abandonar o Brasil. Nesse caso, a palavra ABANDONAR se encaixa perfeitamente, mas esses brasileiros infelizmente não “abandonaram” somente o Brasil. Junto com a sua Pátria, abandonaram seus pais, esposas, filhos, avôs, avós e demais familiares; abandonaram seus amigos, suas histórias e suas memórias; abandonaram literalmente o seu eu interior. Quando disse que senti VERGONHA, que fique claro, que a vergonha que senti – e sinto – são dos políticos e dos recorrentes desgovernos brasileiros, que são corruptos e roubam, além do dinheiro, a dignidade e a esperança do nosso povo.

É por isso que apoio Sergio Moro. É por isso que você também deveria apoiar Moro. Precisamos de pessoas com história de combate à corrupção e coragem para fazer as mudanças que o Brasil merece e necessita.

Em 2022, rejeitaremos políticos profissionais, que têm um currículo repleto de incompetências, mentiras, roubos e corrupção. E, a partir deste momento, eu convido você, brasileiro de bem, trabalhador, honesto e honrado, a se unir a nós nessa corrente que clama que Sergio Moro aceite o nosso chamamento para ser o próximo presidente do Brasil! #SergioMoroPresidente2022

Recomendados

DELTAN SE FILIA AMANHÃ AO PODEMOS

O ex-coordenador da Operação Lava Jato, Deltan Dallagnol, se filia ao Podemos nessa sexta-feita, dia 10 de dezembro. O evento contará com

2 respostas

  1. Moro precisa trabalhar, não acumulou dinheiro com rachadinhas, nem com corrupção na Petrobras
    Qualquer emprego digno em qualquer parte do mundo é plenamente compreensível
    Causa repulsa, sim, os que abandonam o Brasil em fuga pela pratica de crimes, para fugir de investigações do STF, e para continuar cometendo crimes usando as mídias digitais a partir do exterior

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *